.

Como você usa o tempo em que você se comunica com as outras pessoas? Será que na maior desse tempo você fala de si mesmo? Na verdade, as pessoas gastam 30-40% do tempo de conversa falando de si mesmas e nas plataformas de mídias sociais isso chega aos 80%. Por que as pessoas falam tanto assim do próprio umbigo? A neurociência tem demonstrado que a resposta não é tão complicada: é porque dá barato ao cérebro.

Pesquisadores da Universidade de Harvard estudaram recentemente cerca de 200 voluntários que, enquanto seus cérebros eram mapeados pela ressonância magnética funcional. deveriam falar ou de si mesmos, da própria personalidade, ou dos outros (ex: presidente Obama). Áreas do cérebro conhecidas como sistema de recompensa cerebral foram ativadas mais fortemente quando os participantes da pesquisa falavam deles mesmos. Esse sistema é ativado quando fazemos algo que merece ser repetido como escutar uma boa música, comer um pedaço de chocolate, fazer sexo, etc.

Os pesquisadores foram além. Queriam saber se essa ativação seria ainda maior se houvesse plateia. Conduziram então um segundo experimento, só que dessa vez o voluntário passaria a falar na presença de um amigo ou parente. Bingo! A hipótese foi confirmada. Falar de si mesmo para os outros ativou ainda mais o sistema de recompensa.

E qual seria uma boa explicação para que, na evolução da espécie, o cérebro passasse a ter prazer em expor nossa vida aos outros?

1- incremento das ligações interpessoais e rede social – só isso já é uma vantagem evolutiva e ainda promove o sentimento de felicidade

2- feedback – críticas podem ajudar o crescimento pessoal

3- responsabilidade compartilhada de uma memória

.

.

Anúncios