.

Um estudo publicado esta semana pelo prestigiado periódico Nature Genetics isolou partes do genoma humano que podem explicar em parte porque as pessoas vivenciam a experiência de bem-estar psíquico. O estudo multicêntrico com a participação de 145 institutos de pesquisa foi liderado por pesquisadores Holandeses e envolveu 300 mil voluntários. Os pesquisadores encontraram variantes genéticas que foram fortemente associadas ao estado de felicidade, traços de neuroticismo e sintomas depressivos. Este foi o maior estudo realizado que abordou o componente genético desses componentes da mente humana. Entretanto, isso explica apenas uma pequena parcela do nosso estado de felicidade. Os fatores ambientais certamente mandam muito mais nessa história.

Anúncios