Um novo estudo aponta que a leitura em plataformas digitais favorece a percepção dos detalhes, mas é menos eficiente para a compreensão da perspectiva geral. As telinhas fazem a gente apreciar melhor as árvores individualmente, mas com menos noção da floresta como um todo.

 

Pesquisadores de Dartmouth College (EUA) conduziram diferentes estudos comparando a interpretação de conteúdos no papel e no laptop.

 

  • Após a leitura de uma pequena estória, voluntários com idades entre 20 e 24 anos realizaram um mini-teste de compreensão do texto. Nas questões mais abstratas, o grupo que leu no papel teve um desempenho melhor. Já nas questões mais concretas, os que leram no laptop foram melhor no teste.
 
  • Os voluntários leram também uma tabela com informações de quatro diferentes carros japoneses fictícios. Quando eram perguntados qual era o modelo superior, os que leram no papel acertaram mais.
 
  • Os pesquisadores também testaram se um exercício de abstração antes do teste dos carros não poderia facilitar o desempenho daqueles que usaram o laptop. Dito e feito. Eles melhoraram o desempenho.
Anúncios